Skip to main content

1° Fórum de Tecnologia e Inovação em Gestão Empresarial

Bruno Ferreira

BANNER2

 

Atualmente o mercado de T.I (Tecnologia da Informação) se mantem em crescimento mesmo neste período de crise. Proporcionando soluções empresariais para os mais diversos segmentos. Ter tecnologia aliada a gestão e automação de processos, tem se revelado uma das mais poderosas ferramentas da administração moderna.

O Centro Universitário Anhnaguera em parceria com devCoffee Business Solution(empresa Lemense provedora sistemas para gestão empresarial) e a Varitus Brasil (empresa Ararense provedora sistema de soluções ficais ), estão promovendo o primeiro Fórum  de Tecnologia e Inovação em gestão empresarial, com intuito debater a utilização de tecnologia dentro da gestão empresarial.

Além das empresas  citadas, o evento também reunirá outras empresa do  segmento de Tecnologia de Informação, assim como empresas utilizadoras de software dos mais diversos segmentos. Todos com o objetivo de compreender os principais desafios da gestão empresarial e suas ferramentas.

Speakers 1° dia:

  • Presidente da ACIL – Associação comercial de Leme.
  • Adão Lopes  (Diretor da Varitus Brasil).
  • Bruno Luis Ferreira  (Diretor da devCoffee Business Solutions).
  • Marcos Kenji Nagata (Coordenador do Curso de Ciência da Computação Anhanguera Educacional).
  •  Jarib B. Fogaça – (Sócio na Jequitibá Investimentos e Assessoria, Diretor Adjunto na ACIC Campinas, Diretor na Anefac Campinas).
  • 1 Empresário convidado.
  • 1 Aluno convidado.

Speakers 2° dia:

  • Conselheira Acil – Associação comercial de Leme.
  • Adão Lopes (Diretor da Varitus Brasil).
  • Murilo H Torquato (Diretor devCoffee Business Solutions).
  • Wellington Sacchi (Diretor da Agência publicidade Wdesign e Associados).
  • Wellington Lopes (Gerente de Desenvolvimento de negócios Red Hat).
  • 2 Alunos convidados.

 

Nos dois dias teremos a abertura com o tema  principal  e depois painéis de discussão  sendo provocados de acordo com o pipeline  abaixo:

 

07/11/2016 – 19:00 as 22:10 – Redução de custos e otimização da gestão através da T.I.

  • Abertura do Fórum com o tema: O paradigma da Gestão empresarial: Para enfrentar a crise basta reduzir custos ? Você está preparado para o futuro  e as necessidades de uma gestão empresarial ?
  • Pipeline (Moderador)
    • Necessidades dos gestores de empresas.
    • Como tecnologia pode ser a plataforma obtenção de transparência, eficiência e eficácia.
    • Paradigmas da gestão que podem ser superados com T.I.
    • T.I é Custos ou Investimento
    • Como reduzir custos investindo em T.I.
    • Informação ou dados.
    • O que esperar para futuro da gestão empresarial aliado a T.I.
    • Porque as empresas têm medo tem medo de Governança e T.I?
    • Gestão empresarial na nuvem.
    • Fechamento dos temas.

08/11/2016 – 19:00 as 22:10 – Tendências do mercado de T.I , oportunidades empresariais e mão de obra

  • Abertura do Fórum com o tema: Funil da Inovação – O futuro não é amanhã , é hoje !
  • Abordagem do tema:  Escassez da mão de obra de T.I ou falta de preparo dos profissionais ?
  • Pipeline(Moderador)
    • Tecnologias do presente e do futuro.
    • IoT – Internet das Coisas.
    • Oportunidades: empresas de T.I. e empresas consumidoras.
    • Aonde devo me encaixar : Ser quanto mais técnico ?
    • Preciso ser um gênio ?
    • Porque sobra vaga em T.I.
    • Quem é meu concorrente para o emprego.
    • Fechamento dos temas.

Local:  Rua  Waldemar Silenci  N° 340 – Cidade Jardim – Leme – SP – Centro Universitário Anhanguera

Inscrição : https://www.e-inscricao.com/fortige/inscricao 

Continue Lendo

3 Importantes Indicadores Empresarial

Bruno Ferreira

Resultado de imagem para indicadores

 

Analisar a relação preço de venda, despesas e custos (diretos e indiretos) é fundamental para sanidade e vitalidade empresarial. Todos os dias deve-se reforçar o conceito que nos remete ao fato do preço ser fixado pela demanda (mercado) e a capacidade de os players obterem diferencial competitivo e posicionarem no mercado com preço e qualidade. Isso exige que os gestores façam uma vigilância continua nos três pilares básicos: Preço, Despesa e Custos.

Obter a melhor aderência entre a entrada de caixa, através das receitas de vendas e as saídas de caixas, gastos em gerais (custos e despesas), possibilita ter geração de caixa e esse é um passo e um dos mais importantes para ter uma empresa lucrativa.

Em um cenário de retrocesso econômico, que culmina geralmente na queda das receitas, essa aderência é importante, pois é primário ter uma empresa superavitária e acima de tudo que possa gerar caixa suficiente para ter fluxo positivo, pois muita empresa vem carregando dívidas de outros exercícios.

Evitar descasamento de fluxo de caixa, significa ter melhores custos financeiros, evitando ter uma posição tomadora maior a cada mês.

Continue Lendo

Por que o BrERP é essencial para sua empresa?

 

ERP

Muitas empresas hoje tem um privilégio de desfrutar de um total controle de sua empresa, ampliando exponencialmente os resultados da empresa que só o sistema BrERP pode oferecer, com toda sua flexibilidade e sua interface amigável ao usuário, possibilitando controlar processos complexos de uma maneira simples mas completa.

Mas afinal, quais as funcionalidades que o BrERP oferece para melhor controle da sua empresa? Aqui vão algumas delas:

  • Executa tarefas cruciais da empresa, aumentando a qualidade dos serviços aos clientes, melhorando a imagem da empresa, lucros e automatizando sua produção;
  • Possibilidade de troca de informações em ambientes distribuídos;
  • Integração das informações de departamentos, escritórios e fábricas da empresa, bem como das várias empresas pertencentes ao mesmo grupo financeiro;
  • Resolve muitos dos problemas comuns nas empresas, como por exemplo: gestão de estoques, financeira, comercial, compras, produção, manutenção, serviços e controle de qualidade;
  • Não destina-se apenas as necessidades atuais da empresa, pois fornece oportunidades de melhoramento contínuo com valiosas informações disponibilizadas para a tomada de decisões;
  • Fornece informações inteligentes: suporte a decisão com risco calculado, informação executiva, prevenção de erros.

Essas são apenas algumas funcionalidades do BrERP, um poderoso sistema que vai muito além de do controle total da sua empresa, melhorando a imagem, os custos, automatizando processos e reduzindo os gastos, aumentando exponencialmente o crescimento monetário, quanto cultural dentro de todas as áreas que o BrERP é implantado. Não perca essa oportunidade! Conheça o BrERP e descubra um mundo abrangente de conhecimentos e resultados para sua empresa.

 

Continue Lendo

Por que conhecer a Rotatividade de Estoque ?

estoque

Primeiramente, o que seria o estoque ?  O estoque é quantidade de mercadoria armazenada para um determinado fim(venda, consumo, etc…).

 

E a sua rotatividade ?

A rotatividade ou giro de estoque é baseada em um calculo que nos indica quantas vezes e com qual frequência o estoque teve que ser renovado, com essa informação podemos analisar o tempo de permanência de um produto e qual a sua procura. Tendo essa informação em mãos pode-se chegar em um equilíbrio entre demanda/estoque.

 

E por que seria importante saber isso ?

A importância de saber a rotatividade de seu estoque é para melhor se organizar e não deixar faltar ou sobrar produtos, que em ambos os casos é ruim para os negócios. Faltando o produto o cliente irá se aborrecer, a empresa perderá um cliente em potencial e poderá perder confiabilidade. O produto parado no estoque é um capital investido sem retorno, que muitas vezes pode ser perdido se tratando de produtos com prazo de validade ou que podem se tornar ultrapassados.

Tendo a informação do giro de estoque em mãos podemos nos programar para manter o estoque com produtos sempre disponíveis e garantindo a menor perda de capital possível. Com essa informação também pode-se tomar medidas para “esvaziar” o estoque, como promoções e ofertas, pois quanto maior o giro de estoque, maior a quantidade de vendas, chegando assim mais perto do objetivo estipulado.

 

Ainda ficou um pouco obscura a explicação ?

Bom um exemplo didático e de fácil entendimento:

Imagine que seu estoque possui uma certa quantidade de um determinado produto A e de um produto B. O produto A é bastante procurado em certa época do ano, enquanto o produto B quase não é procurado. Não faz sentido manter um estoque alto do produto B, sendo que ele não é procurado. Já em relação ao produto A é importante ter uma alta quantidade.

Fazendo o calculo da rotatividade de estoque obtêm-se as informações necessárias para essa tomada de decisão.

 

Como realizar o calculo :

O calculo é simples e consiste apenas dividir o total de vendas pelo volume médio armazenado.

Para isso, precisa-se definir o período a ser calculado, o total de produtos vendidos nesse período e o volume médio no inventário, podendo ser em itens ou preços.

A seguir alguns exemplos :

  1. O estoque médio de uma loja de produtos eletrônicos é de 50 aparelhos de TV e a empresa vende 500 aparelhos por ano. Dividimos 500/ 50, obtendo o resultado dez, isso significa que temos dez giros no período de um ano, ou seja os aparelhos são repostos dez vezes durante o ano.
  2. Agora imagine que cada aparelho custe R$ 1000.00 a preço de compra. O estoque médio a preço de compra é de R$50 mil e o volume de vendas ao ano é de R$ 500 mil. O número de giros de estoque será de 500 mil divido por 50 mil, que é igual a 10 giros de estoque no ano.
  3. Para saber o tempo médio, dividimos o número de dias em um ano(neste caso) pelo número de giros. 365 dividido por 10 giros é igual a 36,5 dias. Ou seja o estoque de televisões teve uma rotatividade em média de 10 vezes ao ano a cada 36,5 dias.

Para facilitar a obtenção dessas informações, existem algumas ferramentas conhecidas como Sistemas de Gestão Empresarial que fazem o calculo automaticamente de acordo com as informações inseridas, gerando relatórios completos para assim chegar ao equilíbrio demanda/estoque.

 

Conclusão:

Em uma empresa é NECESSÁRIO saber a rotatividade de estoque, conseguindo assim diminuir os prejuízos e não pecar em relação à disponibilidade, chegando assim no tão esperado lucro.

 

Continue Lendo

Desenvolvendo mobile: por onde começar?

Leonardo Antunes
mobile-development
Android, iOS, Java, Objective-C, Swift, C#, Xamarin, Cordova, React, Javascript. O universo mobile (Assim como qualquer outra plataforma no desenvolvimento de software) pode parecer muito confusa e assustadora para aqueles que pretendem começar a programar. O intuito deste artigo é desmistificar e direcionar o leitor a escolher um nicho dentro de uma gama tão grande de opções.

(mais…)

Continue Lendo